Andrew Carlssin – O Viajante do tempo

Andrew Carlssin é uma pessoa que teria sido presa em janeiro de 2003 por violações da SEC por fazer 126 operações de alto risco de ações e ser bem sucedido em cada uma delas. Conforme relatado, Carlssin começou com um investimento inicial de 800 dólares e terminou com mais de 350.000.000 de dólares, o que chamou a atenção da SEC. Mais tarde, os relatórios sugerem que depois de sua prisão, ele apresentou uma confissão de quatro horas em que ele afirmava ser um viajante do tempo do futuro do ano de 2256.

O Suposto viajante ainda teria se oferecido para dizer aos investigadores coisas como o paradeiro de Osama bin Laden e a cura para a AIDS em troca de uma punição mais branda e ser autorizado a regressar à sua máquina do tempo, embora ele se recusou a dizer aos investigadores a localização ou funcionamento de sua máquina.

A parte mais intrigante do caso de Andrew é que os agentes não foram capazes de encontrar nenhum registro existente sobre qualquer Andrew Carlssin antes de dezembro de 2002 e mesmo com a foto estampada no New York Times, não apareceu nenhum cidadão que conhecia o sujeito, era como se Andrew Carlssin não existisse entes de dezembro de 2002.

A história do suposto viajante do futuro termina subitamente sem nenhuma explicação e então a história de Carlssin o suposto viajante do tempo do ano de 2256 para por aí. De repente ele desaparece e ninguém mais fala dele novamente. A SEC e o FBI, negam que eles tenham pego Carlssin e que a história seja verídica.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s